OSOR: ANSOL é "Strategic Player" na política open source em Portugal

Excerto do relatório

O Open Source Observatory (OSOR), da Comissão Europeia, considera a Associação Nacional para o Software Livre (ANSOL) um ator estratégico no desenvolvimento das políticas de software de código aberto em Portugal. Na ficha técnica sobre Portugal, o Observatório concluiu não existir uma entidade central no governo português para o desenvolvimento e supervisão de software de código aberto, mas destacou o papel estratégico da ANSOL na disseminação, promoção, desenvolvimento, investigação, e estudo daquele software.

O OSOR ressalta ainda algumas políticas governamentais, como a aprovação da Lei das Normas Abertas de 2011, e estratégias de promoção do software de código aberto na administração pública. O trabalho da Agência para a Modernização Administrativa e do Município de Sintra são algumas das iniciativas distinguidas.

No relatório sobre Portugal, mais detalhado, que acompanha a ficha técnica, o observatório inclui ainda a Associação de Empresas de Software Open Source Portuguesas (ESOP) como outro ator estratégico no panorama nacional e completa a lista de estratégias políticas, assim como iniciativas de munícipios, universidades, e outras entidades da administração pública portuguesas relativas ao uso e promoção do software de código aberto.

Open Source Software Country Intelligence Report Portugal 2020 Descarregar PDF

Open Source Software Country Intelligence Factsheet Portugal 2020 Descarregar PDF

Página do Observatório Open Source com os relatórios de vários países europeus.